quinta-feira, julho 02, 2015

Portugal, um país do caraças ...



Para não estragar a conversa, hoje não vou falar nem do Governo nem daquelas outras coisas que nos deixam irritados todos os dias e que nos levam à toma de tantos anseolíticos. Hoje quero pensar apenas em coisas agradáveis e dizer-vos como sinto orgulho do meu país e dos meus concidadãos.

Já pensaram como num pequeno espaço de terra plantado à beira do Atlântico, com uma área total que pouco passa os 92 mil quilómetros quadrados e uma população (cada vez menor) que não vai além dos 10 milhões e pouco de habitantes, como é que nasceu tanta gente que, nas suas áreas, consegue ter uma qualidade tão grande que os coloca nos primeiros lugares na Europa e no Mundo?

Além dos navegadores de antanho que descobriram novos mundos, tivemos (ou temos) um Papa, dois Prémios Nobel, cientistas de primeiríssima qualidade, músicos, atletas, actores e eu sei lá que mais, todos nascidos cá no burgo, e que levam (ou levaram) o nome do país aos mais recônditos cantos do mundo.

Ainda agora, na primeira edição dos Jogos Europeus que se realizaram em Baku, capital do Azerbeijão, os nossos atletas ganharam um ror de medalhas (nada menos que 10) e a nossa selecção de futebol de sub-21 é vice-campeã europeia.

Não acham isto fabuloso? Em tão pouco espaço, de onde é que surgem tantos talentos? Por isso digo que Portugal, um país do caraças ...

1 Comments:

At sexta-feira, julho 03, 2015 5:44:00 da tarde, Anonymous Vexata said...

Ajuda-me lá a perceber essa coisa da área total, como dizem nas tvs, quantos estádios de futebol dá?

 

Enviar um comentário

<< Home